sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Ministério de dança Kadesh, da Paróquia de Santa Cruz da Venerada comemora êxito em três anos de existência.

No último dia 30, quinta-feira, membros do Ministério de Dança Kadesh, da Paróquia de Santa Cruz da Venerada, Diocese de Petrolina - PE, comemoraram 03 anos de existência.
Diante data expressiva, uma das componentes - Doralice Duarte - destaca o que representa o grupo:
Na oportunidade venho dizer que antes de ser sonhado e concretizado por seres humanos, foi criado por DEUS. Ele sim envia o Espírito Santo para que nós jovens possamos ser no mundo globalizado sinal do imenso amor do Pai
Ela destaca a importância do grupo: Como é bom poder partilhar nossos sorrisos, ver crescer nossas amizades e o amor que temos uns com os outros, que todos que passam por está família deixam, levam e vivenciam experiência concreta de ser JOVEM, de ser sal da terra e luz do mundo. Somos uma família linda de Deus onde acontecem os diálogos, desentendimentos, reconciliação e por ai vai, não temos uma família perfeita, mas sempre buscamos essa perfeição em Deus. 
Doralice aponta o valor da missão e agradece: por fim, quero neste dia dizer muito obrigado por tudo. Sou muito agraciada por ter vocês como família, partilhamos momentos bons e ruins, mas com a graça de Deus nunca desistimos da nossa missão. Lembrem sempre que a nossa missão através da dança é levar o amor de Deus para ressoar no coração de nossos irmãos, digo de coração repleto de alegria com está família. Parabéns para nós! Vocês são preciosos para Deus e para mim. Portanto, agradeço a Deus pele vida de cada um e nossa jornada não para por aqui, pois está apenas no início de uma longa caminhada, para nós não existe fim, almejamos sempre mas, a eternidade junto ao pai!
Mais uma vez parabéns a está família maravilhosa, criada segundo o coração de Deus, imperfeitos mas agraciados, pois Deus nos ama mesmo assim. Finaliza Duarte.
Fonte: Doralice Duarte - com alterações - (Paróquia Santa Cruz da Venerada)

Padre Fernando conduz encontro com futuros Ministros Extraordinários da Comunhão em Rajada.


A Paróquia Nossa Senhora das Dores de Rajada, em comunhão com a Diocese de Petrolina - PE, continua a formação para o novo grupo de Ministros Extraordinários da Comunhão.
Na noite da última quinta-feira, 30, aconteceu mais um encontro de formação. Desta vez, após a adoração ao Santíssimo Sacramento - realizada todas quintas-feiras -, o padre Fernando Ferreira, com a presença de padre José Rogério, conduziu um momento de muitas informações acerca do assunto.
Os encontros acontecessem sempre na Igreja matriz da Paróquia. 

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

A chance de mudar!

Nunca perca a oportunidade de acreditar que as pessoas podem mudar. E, quando isso ocorrer, confirme isso para elas, incentivando-as no novo propósito.
Muita gente não muda para valer ou tem recaídas, porque se sente rodeada de pessoas que não acreditam em sua mudança, no fato de que elas realmente podem ser melhores. 

Transmita-lhes essa garantia. Assegure-lhes a chance de mudar! Autor: Ricardo Sá

Você sabe quem substituiu Judas, o traidor?

São MatiasNo livro dos Atos dos Apóstolos, estão registrados os fatos que levaram à escolha de um discípulo que ocupasse o lugar deixado por Judas, o traidor: “…é preciso, pois, que um dentre eles se torne conosco testemunha de sua ressurreição. Apresentaram então dois homens: José chamado Barsabás, que tinha o apelido de Justo, e Matias” (Atos 1,22-23). Este último foi o escolhido!
São Matias foi um discípulo que acompanhou Jesus no tempo de Seu apostolado e foi tão fiel na vivência dos ensinamentos do Mestre, que tornou-se testemunha de Sua ressurreição.
O sucessor de Judas recebeu em Pentecostes a efusão do Espírito Santo, e tornou-se um apóstolo ardoroso como os demais, testemunha do Ressuscitado. Evangelizou na Palestina e na Ásia Menor, e morreu mártir por apedrejamento. Fonte: santo.cancaonova.com

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

A modernização e a tecnologia, com seus avanços e influências no cotidiano do ser humano.

A Revolução Industrial tornou as organizações maiores e mais complexas, trazendo consigo avanço tecnológico e uma visão focada para a lucratividade e produtividade, onde homens já não identificam-se com o produto de seu trabalho. Cada vez mais percebemos em nossos lares e local de trabalho, as amarras da tecnologia bitolando fortemente o ser humano, individualizando-o, dificultando seu contato e relacionamento com os demais, mutilando indiretamente a criatividade, a imaginação, a percepção e a espontaneidade. Uma grande parte de nossas vidas é gasta nos domínios da conformidade; estamos sujeitos à considerável manipulação e ajustamento, e é bem possível que muitas das escolhas que nos estão abertas, são mais aparentes do que reais. O homem vai deixando de lado sua capacidade criadora para tornar-se a “engrenagem de uma máquina”. A experiência do homem urbano, metropolizado, funde-se com a tecnologia moderna. Mudanças na estrutura urbana, na arquitetura, nos meios de comunicação e no transporte de uma sociedade midiática correspondem à nova estrutura da vida. Parece que o ritmo das máquinas impõe um novo ritmo e um novo tempo para o ser humano. Fonte: psicologia.pt
O pequeno trecho do artigo acima, aponta de forma clara a situação da sociedade e sua relação com os diversos instrumentos tecnológicos que ela - sociedade - apresenta de forma contínua, utilizando, sobretudo, a mídia com seu poder dialético de persuadir o consumidor - ato legal perante a lei -, que deve acompanhar as tendências da moda, e que o mais importante é está apto as avassaladoras invenções.
Tudo isto é muito bom - ou seriam? - se fossem recursos bem empregados e nas medidas exatas. Porém, o que a sociedade sinaliza é uma "metamorfose" que coloca frente a frente a tecnologia e o ser humano. O primeiro por está envolvendo muito tempo na vida do indivíduo, impedindo o desenvolvimento da relação entre os seres humanos. É possível constatar o fato pelo uso, em alguns momentos excessivo, do celular. Isso tem, gradativamente, ocupado o espaço do ser humano que antes era empregado com outro, ato comum nas décadas passadas e que aparentemente hoje está entrando em extinção.
Saibamos, pois, utilizar estes recursos com a mesma sabedoria com as quais foram criados e assim, nos associaremos aos intelectuais criadores de tais objetos, que bem utilizados, tornam-se indispensáveis.

O que faço com tanto cansaço?

Um dia, disseram-me que nós nunca utilizamos toda a energia que possuímos, e é verdade. Quantas vezes eu disse a mim mesmo: "Cheguei ao fim do poço, da linha, do estoque...". Entretanto, bastava uma necessidade para eu experimentar uma força nova para continuar, e experimentava ir além, mais do que compreendesse. 
Eu não estou dizendo que ninguém precisa parar e descansar; estou dizendo que é preciso ter cuidado para não deixar que a mentalidade do mundo nos faça desistir, cair na mediocridade, quando temos ainda força e vitalidade para viver. Coragem! Dê apenas um passo a mais. Autor: Ricardo Sá

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Em tempo real: Os Nonatos cantam para multidão no aniversário da Rádio.



A cidade de Petrolina - PE, o vale do São Francisco e de inúmeras regiões do país disponibilizaram momentos durante o dia de hoje, 28, para parabenizar a Rádio A Voz do São Francisco - Emissora Rural -, pelos 52 anos de história construída baseada na comunicação e evangelização.
Neste momento, diante de uma multidão incalculável, Os Nonatos estão realizando um grande show na concha Acústica - ao lado da Igreja Catedral -, encerrando a programação exitosa do aniversário.
Fotos: Joneclésio Silva 

Parabéns a Rádio A Voz do São Francisco pelos 52 anos de comunicação e evangelização.

Logo
A Paróquia Nossa Senhora das Dores de Rajada, através da Pastoral da Comunicação, parabeniza a todos que constituem a Rádio A Voz do São Francisco - Emissora Rural -, pela forma de comunicar e ao mesmo tempo evangelizar a todos, nestes 52 anos. 
A história construída em Petrolina, no vale do São Francisco e nos diversos locais que a rádio atinge com suas ondas sonoras, é baseada em dois fundamentos principais - comunicar e evangelizar. 
Esta emissora, detentora de uma grande audiência, cada vez mais ampla, tem prestado relevantes serviços a sociedade em geral, no campo religioso, social e outros seguimentos, favorecendo, sobretudo, a classe mais necessitada e possibilitando a todos o direito de exercer a cidadania.
Parabéns a todos que constituem a Rádio A Voz do São Francisco, também aos que já passaram e deixaram sua contribuição!

Programação do dia de finados.

A Paróquia Nossa Senhora das Dores de Rajada realizará uma programação especial para celebrar o dia dedicado aos finados.
Os moradores do distrito de Rajada, poderão participar no próximo domingo, 02, dia dos fieis defuntos, de dois momentos celebrativos. O primeiro acontecerá às 06h no cemitério central. Enquanto que o segundo, às 19h30, na Igreja Matriz da Paróquia.
Os interessados em colocar intenções para os dois momentos, deverão procurar com antecedência a coordenação.

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Como faço para não retornar ao pecado?

Santo Agostinho ensina que só o amor é capaz de nos fazer parar de pecar! Até quem quiser deixar o pecado para o próprio crescimento pouco vai avançar. Diferentemente, quem quiser deixá-lo por amar a Deus, avançará, porque é coisa própria do amor desejar, em tudo, agradar a quem se ama.
É provável que você já tenha trilhado muitos caminhos e avançado muito pouco por essa razão. Fico feliz só de imaginar que você pode hoje mudar de rota: amar a Deus e, por amor, só por amor, não desagradar ao Senhor jamais.
Deus abençoe você!
Autor: Ricardo Sá

Comemoração do aniversário de Frei Paulo na África.




Depois da Santa Missa marcada pela alegria e os cantos tão típicos da África, uma festa em família com a comunidade dos Frades Carmelitas da Delegação missionária de Moçambique. 
Com direito até a condecoração, não com faixa presidencial mas com a famosa "capulana" moçambicana! 
Não sabe o significado? Eu também não sabia mas pesquisei no google.Veja um resumo.
“Normalmente de cores vivas, com motivos africanos, formas antropomórficas, zoomórficas ou abstratas e padrões geométricos variáveis”, explica Suzette Honwana,

Mas esta não serve apenas como indumentária, ela é usada em todas as fases da vida: nos rituais de iniciação, para carregar os bébes – uma capulana especial chamada ntehe, para cobrir o defunto, para decorar a casa, para carregar doentes, para cobrir o corpo. É usada por ambos os sexos, sendo, porém, a mulher que lhe dá mais destaque.
“Normalmente de cores vivas, com motivos africanos, formas antropomórficas, zoomórficas ou abstractas e padrões geométricos variáveis”, explica Suzette Honwana, empreendedora que montou um negócio de bonecas reproduzindo fielmente a forma de vestir da mulher moçambicana por Província.
Mas a festa foi muito bonita, com direito a bolo, cantos e tudo! Meu muito obrigado aos confrades moçambicanos. Fonte: Frei Paulo Cardoso

domingo, 26 de outubro de 2014

Em missão na África, frei Paulo concelebrando com frei Genildo e frei Sérgio Estefane.




Quero ter razão ou ser feliz?

Nada mais importante do que ser feliz, não é mesmo? Mas tem gente que pensa diferente. A felicidade, tão querida e buscada por muitos de qualquer jeito, muitas vezes, é concebida como valor a ser adquirido a qualquer preço, infelizmente.
Por ser considerada fundamental para todos, é preciso ter bem claro o que cada um de nós é capaz de fazer ou de abrir mão, de forma consciente a obtê-la definitivamente. Por isso, muito cuidado com tudo o que você poderia fazer e não faz para ser feliz.
Mais ainda: atenção a todas as vezes que – mesmo que seja sem querer –, você escolhe ter razão, briga por isso e ponto final. Tenho aprendido com a vida que é melhor perder a razão do que perder um amigo!
Autor: Ricardo Sá

sábado, 25 de outubro de 2014

Outros momentos do Terço com as crianças.




A missão de Frei Paulo na África.







Conheça um pouco o gracioso convento da Missão dos Carmelitas do Nordeste, em Moçambique. Logo na entrada, uma bela escultura representando Nossa Senhora do Carmo (fotos: 2, 3, e 4) ostentando o Menino e acolhendo a todos.
No interno, a graciosa Capela (foto 1, 5 e 6), onde, em oração pelo menos quatro vezes durante o dia, a comunidade vai alimentando a Missão que nasce do Coração do Pai, e que é nutrida pela Oração, a exemplo de Jesus.

No pátio interno(foto 7), a beleza da natureza e os detalhes do claustro.
Aqui os meus primeiros dias, preparando-me para ir ao Zimbabwe, onde fica o Noviciado comum das três missões carmelitas: Zimbabwe, Quênia, Moçambique.

Constituem a comunidade do Convento, os Freis Carmelitas Vicente, Genildo, Sérgio Estefane e os Frades jovens e estudantes da Missão.
Informações e fotos: Frei Paulo Cardoso.

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Celebração no dia das eleições acontecerá pela manhã em Rajada.

Foto: idealmt.com.br
A Paróquia Nossa Senhora das Dores de Rajada comunica por meio de nota, que no próximo domingo, 26, devido a realização do segundo turno das eleições para presidente da república, não acontecerá a celebração às 19h30. O horário, excepcionalmente, será às 08h00 na Igreja matriz da Paróquia.